Avanços na Educação diferenciada de Ubatuba

O ano de 2020 tem sido de grandes retrocessos para a educação pública do país, mas apesar disso, com muita luta e resistência, a Educação Diferenciada tem tido grandes avanços no município de Ubatuba. Avanços na Educação diferenciada de Ubatuba

Em agosto deste ano, o Coletivo de Apoio a Educação Diferenciada do FCT de Ubatuba entregou à secretaria municipal de educação, um documento contendo as contribuições iniciais do Coletivo para o currículo escolar municipal.

Ubatuba é um dos municípios do Estado de São Paulo que está se organizando para a implementação do Currículo Paulista, que busca traduzir as especificidades sociais, econômicas, regionais, culturais e históricas de cada um dos 645 municípios que compõem o Estado de São Paulo e contemplar as competências gerais discriminadas pela Base Nacional Comum Curricular (BNCC).

Em parceria com o Coletivo de Apoio à Educação Diferenciada do FCT/ Paraty, que conta com representações de comunitários das três etnias, de professoras, do Observatório de Territórios Sustentáveis e Saudáveis da Bocaina (OTSS), da Universidade Federal Fluminense (UFF) e do Programa de Educação Ambiental (PEA), foi elaborado um documento no qual se destacam três questões principais: cumprimento da legislação, gestão da Secretaria Municipal de Educação (SME) e demandas da formação continuada a serem construídas com professoras e professores da rede municipal de educação.

A educação diferenciada é uma das principais bandeiras de luta do FCT!! Significa reconhecer que os processos de aprendizagem das comunidades tradicionais têm especificidades em relação à educação padronizada dos currículos escolares, pois traz em sua prática, formas de transmissão de conhecimentos próprios das comunidades, da cultura e do território em que vivem. Desta forma, busca-se demarcar a educação diferenciada como a incorporação dos conhecimentos tradicionais e das suas práticas nas escolas, visando alcançar uma educação crítica, na qual o aluno reconheça sua identidade e seu papel social.

Clique aqui para ler as contribuições iniciais do Coletivo para o currículo escolar municipal.

Partilhas da Educação Diferenciada em Ubatuba

Com a finalidade de fortalecer o Coletivo que está se estruturando no município, duas Partilhas voltadas à Educação Diferenciada foram realizadas em uma parceria entre o Coletivo de Apoio à Educação Diferenciada do FCT/Ubatuba com o apoio do OTSS, através do Projeto Povos.

Na primeira artilha, que ocorreu no dia 30 de setembro, participaram as lideranças comunitárias de norte a sul de Ubatuba. Com o objetivo de promover um debate mais estruturado sobre o tema da Educação Diferenciada no município, foram abordadas falas sobre o histórico de luta do FCT pela Educação Diferenciada caiçara, indígena e quilombola, bem como os avanços de Ubatuba, com a construção do coletivo e o documento de contribuições para o currículo escolar municipal. Já a segunda partilha, realizada no dia 05 de outubro, contou com a participação dos profissionais da Educação de Ubatuba, e com a parceria do OTSS, PEA, UFF e do Coletivo de Educação Diferenciada do FCT/Paraty. Nesse dia, foram debatidos os princípios e amparo legal da educação diferenciada e experiências concretas sobre a reorientação curricular.

Nessas experiências, foram identificadas as lutas individuais das comunidades tradicionais pelo acesso a educação e pela manutenção e recuperação de espaços públicos destinados ao ambiente escolar, bem como, a reflexão de que a educação escolar ainda é colonizadora dos povos tradicionais, uma vez que não respeita as suas identidades, culturas e modos de vida, de modo que se faz necessária a discussão cada vez mais abrangente sobre a educação diferenciada no território.

Garantir o acesso à educação diferenciada, respeitando sua maneira de agir, sentir e pensar é uma forma de valorização da cultura indígena, caiçara e quilombola e de defesa do protagonismo do território em que vivem.

Texto: Coletivo de Apoio à Educação Diferenciada do FCT/Ubatuba e equipe Gestão de Saberes Foto: Coletivo de Apoio à Educação Diferenciada do FCT/Ubatuba


 © 2014 por Fórum de Comunidades Tradicionais.

Criado por Núcleo de Comunicação Popular do FCT

  • Facebook Long Shadow
  • Vimeo Long Shadow
Fórum de Comunidades Tradicionais